Ka Trail entra no segmento aventureiro

José Oswaldo Costa*  (Publicado no Diário do Comércio – Edição: 31/03/2017)

Compacto da Ford tem suspensão mais elevada, mudanças estéticas e opção por motores 1.0 e 1.5

Vei19 - Ka Trail - Ford - DivulgaçãoO atual Ford Ka foi lançado no fim de 2014. Hoje, o modelo é vendido, também, em 20 países da Europa, na Índia e no México. De acordo com a Ford, em 2015, o Ka foi o veículo 1.0 mais vendido do País, com 90.132 unidades emplacadas.

Nessa semana, o compacto passou a ocupar espaço no nicho dos aventureiros urbanos, aquelas versões que trazem algumas pequenas alterações estéticas, suspensão mais elevada em relação aos veículos dos quais se originam e, em alguns casos, pneus de uso misto (asfalto e terra).

O espaço para crescimento nesse nicho de mercado é grande. Durante a apresentação à imprensa especializada, a Ford mostrou que de todo o segmento de compactos, apenas 5% são versões aventureiras. Esse número significou, nas vendas totais de 2016, apenas 36 mil unidades. E não custa lembrar que o brasileiro acolhe muito bem essas versões.

Vei20 - Ka Trail - Ford - DivulgaçãoNo caso do Ka Trail, “sobrenome” adotado pela Ford para designá-lo, as mudanças externas foram as seguintes: maçanetas e retrovisores cinzas, independente da cor da carroceria, caixas das rodas com molduras de plástico e lanternas traseiras fumê.

O modelo também ganhou rack de teto decorativo e faróis de neblina. As rodas na cor cinza, exclusivas da versão, são de15 polegadas e em liga leve.

Outra alteração externa é o uso de adesivos, alusivos à versão, nas laterais e na tampa do porta-malas. Os para-choques, dianteiro e traseiro, receberam apliques localizados abaixo das placas.

Vei23 - Ka Trail - Ford - DivulgaçãoNo interior, bancos especiais revestidos com uma mescla de material sintético e tecido, pedais de alumínio, soleiras das portas e tapetes personalizados.

Vei22 - Ka Trail - Ford - DivulgaçãoO sistema de som utilizado é o MyConnection, que traz comando de voz e Bluetooth.

Mecânica – Como dissemos anteriormente, alguns compactos aventureiros possuem suspensão mais elevada. No caso do Ka Trail, o aumento em relação às demais versões foi de 31mm. Segundo a montadora, a suspensão recebeu novas molas e amortecedores dianteiros e traseiros, barra estabilizadora dianteira maior, eixo traseiro mais rígido e coxins do motor com amortecimento hidráulico.

Os pneus, de uso misto, são Pirelli Scorpion ATR 185/65 R15. A direção é eletricamente assistida.

Assim como seus “irmãos”, o Ka Trail recebeu os motores 1.0, de três cilindros (85 cv), e 1.5 (110 cv). Os dois contam com tecnologia de partida a frio que dispensa o tanquinho no cofre do motor. O câmbio é manual de cinco marchas.

O Ka Trail estará disponível nas concessionárias Ford a partir dessa segunda-feira. Com motor 1.0, o preço sugerido é R$ 47,69 mil. Já com motorização 1.5, o preço é R$ 51,99 mil.

Vei21 - Ka Trail - Ford - Divulgação

Fotos: Ford / Divulgação

O modelo traz, de série, ar-condicionado, direção elétrica, travas elétricas, vidros elétricos dianteiros, abertura elétrica do porta-malas, sistema de som MyConnection, direção com ajuste de altura, banco traseiro bipartido (60/40) e cinto de segurança de três pontos e apoio de cabeça para os cinco ocupantes.

Para a Ford, seus principais concorrentes são o Chevrolet Onix Activ, o Toyota Etios Cross, o Renault Sandero Stepway e o Hyundai HB20X. Dentre a concorrência que utiliza motor 1.0, faltou à montadora citar o Fiat Palio Way.

*O jornalista viajou a convite da Ford

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s