Seguro deve cobrir os danos com enchentes

Da Redação       (Publicado no Diário do Comércio)

Já estamos no verão, tempo de sol, praia, sorvetes… e também das chuvas e das temidas enchentes. Quem tem um carro e passa constantemente por regiões com risco de alagamento sabe a dor de cabeça que dá ter que ficar ilhado enquanto espera a água baixar – ou, pior ainda, quando o veículo é invadido pela água, por todos os lados!

O quadro pode ser desesperador, mas saiba que com o seu seguro de carro, você está protegido contra esse tipo de problema.

A Susep (Superintendência de Seguros Privados) determina que os planos básicos – ou seja, aqueles que possuem cobertura contra colisão, roubo e incêndio – também incluam a cobertura relacionada à submersão total ou parcial do veículo. Ela somente é válida para a submersão em água doce, não contempla os sinistros ocorridos com água salgada.

Vale lembrar que, caso seja confirmada atitudes que agravem os riscos – como tentar passar pela enchente ao invés de deixar o carro estacionado, esperando baixar o nível de água – as seguradoras não aceitarão reembolsar o cliente.

E como fazer caso você não tenha um seguro automotivo e passou por uma enchente? Bem, nesse caso, os valores para conserto do carro avariado pelas chuvas podem chegar ao prejuízo de R$ 2 mil até R$ 10 mil, com recuperação na parte mecânica, elétrica, funilaria e limpeza do veículo, podendo ficar até dois meses na oficina.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s