Grupo BMW, Daimler AG, Ford e Grupo Volkswagen, com Audi e Porsche, planejam “joint venture” em rede de recarga ultrarrápida de alta potência para carros elétricos nas principais rodovias da Europa

Da Redação

O Grupo BMW, a Daimler AG, a Ford e o Grupo Volkswagen, junto com a Audi e a Porsche, assinaram um memorando de intenções para criar a rede de recarga com maior potência da Europa. O objetivo é a construção rápida de um número considerável de estações de recarga que permita aos motoristas fazer viagens de longa distância com veículos elétricos. Este é considerado um passo importante para facilitar a adoção em massa desses veículos no mercado.

Essa rede de recarga ultrarrápida e alta potência, de até 350 kW, será significativamente mais rápida que os sistemas mais potentes existentes hoje. Sua construção está prevista para começar em 2017, com cerca de 400 pontos na Europa.

Até 2020, os consumidores deverão ter acesso a milhares de pontos de recarga de alta potência instalados em estradas e rodovias para viagens de longa distância, o que não é possível hoje para a maioria dos motoristas. A expectativa é evoluir a experiência de recarga e torná-la tão conveniente quanto o reabastecimento nos postos de combustível convencionais.

A rede será baseada no padrão de tecnologia conhecido como Sistema de Carga Combinado (CCS – Combined Charging System). A infraestrutura planejada expande o padrão técnico existente de recarga de veículos elétricos em corrente alternada (CA) e corrente contínua (CC) para um novo nível de capacidade, com recarga rápida em CC de até 350 kW. Veículos elétricos projetados para operar com essa potência, independentemente da marca, podem ser recarregados em uma fração do tempo que os elétricos atuais. A rede foi criada para atender todos os veículos equipados com sistema CCS e facilitar a sua adoção na Europa.

Grupo BMW

“Essa rede de recarga de alta potência dá aos motoristas outro forte argumento para mudar para a mobilidade elétrica”, diz Harald Krüger, presidente do Conselho de Administração da BMW AG. “O Grupo BMW iniciou inúmeros projetos de infraestrutura de recarga pública nos últimos anos. O projeto conjunto é outro marco importante, demonstrando claramente que os concorrentes estão unindo forças para acelerar a mobilidade elétrica”.

Daimler AG

“O avanço da mobilidade elétrica requer duas coisas: veículos convincentes e uma infraestrutura de recarga abrangente. Com nossa nova marca EQ, estamos lançando nossa ofensiva de produtos elétricos: até 2025, nosso portfólio incluirá mais de dez carros de passageiros totalmente elétricos. Junto com nossos parceiros, estamos instalando agora a infraestrutura de recarga de maior potência na Europa”, diz Dr. Dieter Zetsche, presidente do Conselho de Administração da Daimler AG e chefe de Carros da Mercedes-Benz. “A disponibilidade de estações de alta potência vai permitir a mobilidade elétrica de longa distância pela primeira vez e convencer cada vez mais clientes a optar por um veículo elétrico.”

Ford

“Uma infraestrutura de recarga ultrarrápida confiável é importante para a adoção em massa dos consumidores e tem potencial para transformar o avanço da direção elétrica”, diz Mark Fields, presidente e CEO da Ford Motor Company. “A Ford está empenhada em desenvolver veículos e tecnologias que melhorem a vida das pessoas e essa rede de recarga tornará mais fácil e prático para os consumidores de toda a Europa possuir veículos elétricos.”

AUDI AG

“Pretendemos criar uma rede que permita aos nossos clientes em viagens de longa distância usar uma pausa para o café para recarregar”, diz Rupert Stadler, presidente do Conselho de Administração da AUDI AG. “Serviços confiáveis de recarga rápida são um fator chave para os motoristas escolherem um veículo elétrico. Com essa cooperação, queremos impulsionar a adoção da mobilidade elétrica no mercado e acelerar a mudança para uma direção livre de emissões.”

Porsche AG

“Há dois aspectos decisivos para nós: a disponibilidade de recarga ultrarrápida e a colocação das estações nos lugares certos”, afirma Oliver Blume, presidente do Conselho Executivo da Porsche AG. “Juntos, esses dois fatores nos permitem viajar em um carro totalmente elétrico como num veículo com motor a combustão convencional. Como fabricante de automóveis moldamos ativamente nosso futuro, não só desenvolvendo veículos totalmente elétricos, mas também construindo a infraestrutura necessária.”

Os fabricantes de veículos pretendem fazer investimentos substanciais na criação da rede, destacando a confiança de cada empresa no futuro da mobilidade elétrica. Os sócios fundadores – Grupo BMW, Daimler AG, Ford e Grupo Volkswagen – terão participação igual na joint venture, e outros fabricantes serão incentivados a participar da rede para ajudar na criação de soluções convenientes de recarga para os consumidores de veículos elétricos. A joint venture também está aberta à cooperaração com parceiros regionais.

A formação da joint venture está sujeita à realização dos acordos definitivos e aprovação do controle de fusões em várias jurisdições.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s